Sexta-feira, 24 de Outubro de 2008

Universos

“A insónia nessoutro lugar primevo era tão profunda que os sonhos a não penetravam, a própria mente refugiando-se no negrume inane da ausência de tudo, tonta da noite interminável, fatigada pela monotonia abstrusa das coisas meticulosamente planificadas, o conhecimento de si próprio resvalando para a abissal passividade de quem está prestes a renunciar às utopias aparentemente inexequíveis… Até que um novo Universo despontou em rutilantes feixes de espontaneidade, a perfeição absoluta da energia transbordante contagiando-o, arrebatando-o para um espaço-tempo diferente, onde se movia agora num fascinante semiêxtase, o corpo alerta e os pensamentos alongando-se em modelos de uma complexidade simples e despida de preconceitos, a sua pele roçando o sopro fragrante e acetinado de cada emoção, progressões geométricas representando o incremento de tudo aquilo que havia definhado na pretérita existência, o inconsciente divagando além das palavras, o consciente regozijando-se com o entendimento finalmente encontrado…”
V.A.D. em Universos
Vídeo: You Only Live Twice (by Coldplay) (http://www.youtube.com/watch?v=0-2QemiQ4hk)

publicado por V.A.D. às 03:00
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Domingo, 19 de Outubro de 2008

Contagiante

“E a inconsciência deu lugar à percepção, a génese de algo absolutamente novo efectivando-se num crescendo inusitadamente intérmino, a majestosidade daquilo que é testemunhado servindo-lhe sobretudo para o reconhecimento da condição de aprendiz de si próprio. É-lhe ininterruptamente desvendado o fascínio de ver em vez de olhar e de escutar em vez de se limitar a ouvir, tão contagiante é aquele jeito de apreender o sentido mais intrínseco das coisas, tão cativante é aquela maneira de consecutivamente recriar os Universos na profundidade de raciocínios claros, tão atraente é aquela noção de que algumas barreiras, a existirem, podem ser de facto transpostas… Apraz-lhe pensar que, embora não sendo ubíquo, reside também nas delicadas e intangíveis estruturas bioquímicas de uma mente admirável, mora nas tonalidades quentes indelevelmente pintadas numa magnífica tela plena de vivacidade, habita na inescrutável urdidura das emoções, tão inefáveis quanto evidenciadas… E sente em cada célula do seu corpo, em cada fio de pensamento, a inexplicável alquimia de um despertar que, na realidade, nunca é tardio…”
V.A.D. em Contagiante
Vídeo: The Air That I Breathe (The Hollies) (http://www.youtube.com/watch?v=KMSAnZR2Q8Q&feature=related)

publicado por V.A.D. às 03:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 10 de Outubro de 2008

Personificação

“Era como se respirasse a própria atmosfera da galáxia, era como se se banhasse no mar de partículas e energia de que o Universo é feito, era como se estivesse nas profundezas do espaço, ante os milhares de pontos de flamejantes que se destacavam sobre o suave manto da Via Láctea, era como se viajasse por entre essas estrelas firmemente entrelaçadas nas interacções gravíticas de um referencial cuja magnitude, de difícil apreensão, o deixava boquiaberto, aqueles instantes resultando num incontido arrepio, vinte e um gramas de si próprio suspensos pelos invisíveis e poderosos fios das emoções, extáticos perante a profundidade castanha de uns olhos magnéticos, dentro dos quais um novo e sedutor mundo se ia desvelando… Era como se redescobrisse a vida a cada pulsação, era como se reencontrasse a felicidade a cada sussurro clamado, era como se rejuvenescesse a cada encontro almejado. Havia descoberto, por fim, aquilo que nem sabia poder existir: a personificação dos próprios sentimentos…”
V.A.D. em Personificação

Vídeo:Fever (Peggy Lee) (http://www.youtube.com/watch?v=JGb5IweiYG8)


publicado por V.A.D. às 15:00
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Domingo, 5 de Outubro de 2008

Evos

“Todos os evos da sua vida não passavam agora de um fugaz momento, o passado constituindo uma mera ilusão enevoada pelas brumas de um tempo que, obstinado no seu fluxo, parecia não querer reconhecer que toda a verdadeira significância se condensa no presente, ou ainda num futuro feito de aspirações a substanciar ou de realizações a consolidar. Ali estava, emudecido pela extraordinária beleza daquelas horas, extático perante a profunda simplicidade de algo tão veementemente sentido, rendido à absoluta perfeição de um mundo inteiramente novo, avassalado por uma emotividade que equilibrava a razão e lhe propiciava uma orgia sensorial de sabor a chocolate e laranjas, de doces aromas a unguentos perfumados, de geométricos toques em cadências mais que perfeitas… Ia-se apercebendo, a cada instante, dos simples segredos até então encerrados no seu próprio âmago, a revelação crescendo numa espécie de liberação levitante, conduzindo-o a uma ventura impossível de expressar cabalmente em simples palavras…”
V.A.D. em Evos
Vídeo: Can’t take my eyes off of you (Andy Williams) (http://www.youtube.com/watch?v=wHs2hYiUq5w)

publicado por V.A.D. às 03:00
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Domingo, 28 de Setembro de 2008

Para Além

“Para além do suave balançar dos barcos ancorados no azul calmo das águas, muito para lá dos montes enevoados, indistintos no ar cálido da tarde brilhante, muito acima de um horizonte de luz intensa e suaves sombras, alheia a tudo o demais e centrada numa única e fundamental razão, a mente saboreava cada momento, cada toque representando a imensidão do Cosmo, cada olhar devaneando a infinitude de incontáveis Multiversos, cada vontade agigantando-se nos tragos de uma bebida há muito apalavrada. Nem a brisa marinha era capaz de assumir a habitual relevância, face a outras fragrâncias tão mais subtis e, contudo, sobejamente mais marcantes… E aquela grácil e permanente impressão de complementaridade, reafirmada dias depois em idílicos elos, num escutar de estrelas, num extasiante colorido de sabor a chocolate, num murmúrio de água corrente, cálida e refrescante, numa imensidão de sentidos despertos pela intensidade de emoções residentes para além de todos os imaginários…!”
Jeena kaisa pyar bina?”
V.A.D em Para Além
Vídeo: Face of Love (Rahat Nusrat Fateh Ali Khan & Eddie Vedder) (http://www.youtube.com/watch?v=3fjWMJSw03I)

publicado por V.A.D. às 03:00
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
Segunda-feira, 22 de Setembro de 2008

Simplesmente...!

 
 
"Heavenly widened roses
Seem to whisper to me
When you smile"
 
Vídeo: Sweet Jane (Cowboy Junkies) (http://www.youtube.com/watch?v=BHRFZFmEq9o)

publicado por V.A.D. às 02:30
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
Quinta-feira, 18 de Setembro de 2008

Doze Horas

“É um fascinante Universo alternativo, aquele onde agora me encontro, a monotonia redutora dos dias iguais parecendo já distante no Tempo, ele próprio assumindo uma significância desabitual, cada instante avocando um relevo feito de vontades sincronizadas, de determinações audazes, de gestos tão silenciosos quanto expressivos… Qual viajante do Tempo, retorno a uma época de possibilidades infinitas, a negação de todos os limites realizando-se na simplicidade de um olhar, tomando a forma de um sorriso cúmplice, as brincadeiras traduzindo uma insubmissa e renovada sede de viver… Rejuvenesço, a energia dos níveis mais profundos do tecido espacial declarando-se tangível, contrariando princípios, operando prodígios, a descoberta de emoções latentes agindo como catalizadora de reacções electroquímicas desconhecidas, vibrantes como as cordas de um violino numa super simetria melodiosa, brilhantes como um enxame de cinquenta mil sóis acotovelados num campo deslumbrante... E neste lugar de novidade, o próprio fluir dos eventos não obedece às aceites e comuns relações de causalidade, tão espontânea é sequência das coisas. Talvez doze horas bastem, até, para representar a eternidade…”

V.A.D. em Doze Horas
Vídeo: Unforgettable (Nat & Natalie Cole) (http://www.youtube.com/watch?v=53ith7bNN8w)

publicado por V.A.D. às 02:00
link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito
Quarta-feira, 10 de Setembro de 2008

Agora

“Agora, nestes dias perfeitos de claridade, desce dos empíreos a realidade que me é designada, o sentido das coisas convergindo num sensorial lugar de infindas emoções, a inenarrável plenitude assumindo contornos que me eram estranhos, uma leveza etérea insinuando-se-me em volutas fragrantes, afirmando aquilo que sempre soube mas que ainda não havia experimentado. Agora, nestes momentos de introspecção, projecto na limpidez de uma tela as cores vibrantes da vontade, as intensas cambiantes de uma luz capturada num abraço libertador, a profundura de uma inexplicável mas maravilhosa sincronia, nascida, talvez, nas brumas de um impenetrável passado alquímico, os mistérios encontrando explicação, quem sabe, em entrelaçamentos neurologicamente quânticos ou em claros entendimentos silenciosamente cómodos… Ou na simples vivacidade das palavras conversadas, ou na subjectividade de um tempo que ora passa depressa ora se arrasta, as circunstâncias ditando a diferente percepção. Agora, nestes minutos que antecedem a cálida escuridão de um sono seguramente ameno, os pensamentos afluem-me, sedosos e acetinados, uma sensação de plenitude envolvendo-me só para me fazer querer mais…”

V.A.D. em Agora
Vídeo: Nights In White Satin (The Moody Blues) (http://www.youtube.com/watch?v=9muzyOd4Lh8)

publicado por V.A.D. às 01:30
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
Sábado, 30 de Agosto de 2008

Horizonte

 
São horizontes plenos de promessas, são rios de deleitosos sonhos, deslumbrantes visões experimentadas de sensualidades inconcebíveis, são telas pintadas de sentimentos indescritíveis. Horas silenciosamente pejadas de dois rostos em êxtase, risonhos, exprimindo a voracidade incontida de quem ama sem pressas… E uma só entidade emerge no cadinho da paixão: corpos e mentes perpetuamente ligados, num simples e maravilhoso momento. Inunda-me o deslumbramento, os dias afiguram-se-me ilimitados, os anos cabem na palma da mão…E nesses breves instantes, conquisto a eternidade…!
V.A.D. em Horizonte

Vídeo: Love Theme From Blade Runner (http://www.youtube.com/watch?v=C9KAqhbIZ7o)


publicado por V.A.D. às 02:16
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Sábado, 23 de Agosto de 2008

Segundos

“Duas e vinte e nove. Todas as apreensões se esmaecem num ápice, a limpidez dos sentidos irrompendo da própria alvorada da vida, a profusão das emoções elevando-o além dos limites plausíveis. A existência não é mais que um fugaz clarão por entre as trevas da inacabável perpetuidade e, todavia, os factos inequívocos podem ser contraditos pela subjectividade agarrada num emaranhado caoticamente sublime e estranhamente melífero, os desalinhos agindo como uma catártica negação de rotinas bafientas, a florescência de algo improvável manifestando-se avassaladoramente num esplendor épico, o engrandecimento constante e contínuo atordoando-o, a infinitude apresentando-se-lhe como o exclusivo e inexistente término. Deixa-se absorver pelo fascínio, quer imortalizá-lo em grandíloquas demonstrações de profundos desejos, quer efectivá-lo em feitos repletos de transbordantes sentimentos… E sente-se insuflado pela alegria de voltar a ser inteiro, os desertos pedregosos e gelados parecendo-lhe agora tão remotos, como que dissolvidos na eternidade de alguns breves mas perfeitos segundos…”
V.A.D. em Segundos
Imagem: Segundos (original em http://www.coolest-gadgets.com/wp-content/uploads/bulbdial.jpg)

publicado por V.A.D. às 03:09
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.quem eu sou...


. ver perfil

. seguir perfil

. 34 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Regresso

. Agora (II)

. Átomo

. Ergosfera (V)

. Ergosfera (IV)

. Ergosfera (III)

. Ergosfera (II)

. Ergosfera (I)

. Textos Interligados

. Sem Título

.arquivos

. Agosto 2019

. Abril 2013

. Fevereiro 2013

. Fevereiro 2012

. Junho 2011

. Janeiro 2011

. Março 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

.Blog Nomeado Para:

.contador

SAPO Blogs

.subscrever feeds