Quarta-feira, 30 de Janeiro de 2008

Fusão

                  

Suspendo o tempo nos fios da vontade, seguro os ponteiros do relógio que imagino, recuso o escoar dos segundos, não o quero para mim. Crio nas minhas mãos a eternidade, pedaço de vidro cristalino, incontáveis e estranhos mundos, conjectura de espaço sem fim. Brinco no centro galáctico, inundo-me de emoção e pasmo, perco-me num labirinto inventado, entre estrelas e quasares. Nada no cosmos é estático, encho-me de exaltado entusiasmo, não há segredo que não seja revelado, todos os mistérios se tornam vulgares. Conheço a verdade e o seu inverso; tenho a vida inteira e mais um pouco para aprender o que há a saber. A mente funde-se com o Universo… (Eu sei, às vezes pareço louco, mas não há nada a fazer…!)

Imagem: Universo! (www.faemalia.net/USPictures/Backgrounds/universe.jpg)

música: Dream A Little Dream Of Me (Diana Krall)

publicado por V.A.D. às 03:00
link do post | comentar | favorito
|
12 comentários:
De **** a 30 de Janeiro de 2008 às 14:49
"Recuso o escoar dos segundos" - tentamos sempre fazê-lo, normalmente sem conseguir retê-los - pelo menos devemos ter cuidado para não os deitar fora, para os mantermos o máximo possível nas mãos em concha, evitando que se desperdice uma gota que seja pelas brechas entre os dedos .

Nesta situação eu sentir-me-ia cheia e vazia ao mesmo tempo, completamente cheia e exageradamente vazia: cheia de todos os saberes que espreitam em cada quasar, em cada curva, em cada estrela; vazia depois de ter perdidos todos os mistérios que quando se "tornam vulgares" deixam de o ser. Por enquanto mantenho-os bem junto a mim, fazem-me companhia enquanto chamo alguma verdade sem garantias de não estar a fazer o contrário.

De sábio e de louco todos temos um pouco... não há nada a fazer, nem tão pouco acho que se deva fazer algo mesmo que se pudesse. Decidir fazer algo e pensar um pouco, viver mais um segundo e acelerar o passo, ler uma linha mais e despejar palavras para o teclado tem a sua cota parte de insanidade implicita, sem querer dizer que isso seja negativo.

Beijos
duma entusiasmada leitora que também tem muito de louca

Sophia


De V.A.D. a 31 de Janeiro de 2008 às 02:21
O tempo é precioso demais para que o deitemos a perder. Somos exigentes com o seu aproveitamento, às vezes até demais, a pressa de viver levando-nos a minúcia, a ânsia de ver o panorama roubando-nos a subtileza das pequenas coisas... Consciente dito, gostaria de me poder deter em cada pormenor, absorvendo por todos os poros a frescura do conhecimento... :-)

O desvendar de todos os mistérios seria plenitude e frustração; saber tudo representaria o fim da permanente busca, o cessar de um processo que nos mantém despertos e o desespero de nada mais ter por que lutar... Felizmente que isso não passa de mera conjectura. Tal como referes, é melhor uma pergunta sem resposta definitiva que a não existência de perguntas...

Transcrever o que me vai na mente, ainda que de forma simples e amadora, é algo que descobri recentemente mas que me faz muito bem... Pode parecer ou ser mesmo loucura, mas creio ser uma loucura sã... :-)

Amiga, desejo-te uma noite cheia de serena insanidade, feita de palavras lidas ou escritas ou de sonhos bonitos...!

Um beijo... :-)


De Rhiannon a 31 de Janeiro de 2008 às 01:17
Quando "suspendo o tempo nos fios da vontade" e "crio nas minhas mãos a eternidade" sei que "tenho a vida inteira e mais um pouco"

Gostei muito desta texto, desta Fusão que nos envolve e nela somos.


De V.A.D. a 31 de Janeiro de 2008 às 02:27
O pensamento não se rege pelas normas do tempo, podemos viajar num fotão e descobrir que os limites não são mais que pura ilusão... :-)

Obrigado, amiga, pelas palavras e pela visita.

Um beijo de boa noite... :-)


De Lazy Cat a 31 de Janeiro de 2008 às 18:14
Às vezes pareces louco?

Não somos todos assim????


Beijos!


De V.A.D. a 1 de Fevereiro de 2008 às 01:22
Existe em todos nós uma pitada de loucura, saboroso tempero para o cozinhado da vida... :-)
Desejo-te uma noite plena de sã maluquice!

Um beijo... :-)


De Emanuela a 31 de Janeiro de 2008 às 20:04
Para uma pessoa que parece viver tudo de forma tão intensa, deve ser ainda mais difícil aceitar as limitações que o tempo e o espaço nos impõe. Mas não, não te creio louco... Antes, creio-te lúcido demais!
Beijos .


De V.A.D. a 1 de Fevereiro de 2008 às 01:21
Todos estamos sujeitos aos limites do espaço e, sobretudo, do tempo... Mas, amiga, temos de aprender a viver assim, aproveitando aquilo de que dispomos, tentando gerir o que a vida nos dá, da melhor forma que sabemos... :-)
Não sei se sou loucamente lúcido ou lucidamente louco, mas gosto das tuas palavras... :-)
Desejo-te uma noite maravilhosa!

Um beijo... :-)


De MalucaResponsavel a 7 de Fevereiro de 2008 às 23:21
ainda bem q n ha nada a fazer... :)


De V.A.D. a 8 de Fevereiro de 2008 às 01:06
Uma certa dose de sã loucura é essencial à existência: impede que caiamos na rotina, o irrequieto sentido da vida apimentando, dando sabor aos dias que se arrastam velozmente... :-)

Um beijo louco... ;-)


De Ariana a 9 de Junho de 2008 às 02:57
Oiii.... soh procurava imagens do universo pelo google apareci aki e realmente amei o q vc escreveu... parece q sente o universo. Maravilhoso!
bju


De V.A.D. a 11 de Junho de 2008 às 01:19
Agradeço-te as palavras cheias de gentileza com que me presenteias... :-)
Há momentos em que a inspiração parece surgir do nada...

Um beijo e um enormeeeeeeeee sorriso... :-)


Comentar post

.quem eu sou...

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. Curvatura

. O horizonte de eventos e ...

. Subjectividade

. O "capacete de deus"

. Apontamento (II)

. Apontamento

. Alter Orbe (II)

. Alter Orbe (I)

. Marte

. Regresso

.arquivos

. Abril 2013

. Fevereiro 2013

. Fevereiro 2012

. Junho 2011

. Janeiro 2011

. Março 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

.Blog Nomeado Para:

.contador

blogs SAPO

.subscrever feeds