Domingo, 16 de Setembro de 2007

Trovoada

“A tempestade eléctrica desabou sobre mim sob a forma de trovão, com o ensurdecedor ruído de mil altifalantes num berro uníssono. É certo que a luz intensa e pulsante do relâmpago havia precedido a explosão sónica, mas a minha mente não se havia preparado para tal violência. Era o fim de uma tarde infernalmente quente; tinha visto a formação de cumuloninbus e sentira naquele ar, amarelado e doentio, o cheiro característico da humidade. Pressentira a trovoada e agora ela ali estava, manifestando todo o poder de uma Natureza indómita e proporcionando um espectáculo magnífico. Os primeiros pingos, grossos e pesados, caíam no chão como pequenas bombas, levantando poeira de um solo ressequido pelos meses estivais, para se desfazerem de imediato em pequenas esferas de lama ocre. Depois, pouco depois, enquanto os céus cediam ao peso de tanta água, a atmosfera enchia-se do barulho grave da chuva torrencial. Permaneci ali, desabrigado e encharcado, apreciando a arrebatadora sensação de ser parte integrante de um Universo tão rude quanto maravilhoso…”

V.A.D. em Algures.

Imagem: Electrical Storm (http://rolandvb.topcities.com/Weather/Electrical_Storm.jpg)

música: Electrical Storm (U2)

publicado por V.A.D. às 03:40
link do post | comentar | favorito
|
12 comentários:
De MalucaResponsavel a 16 de Setembro de 2007 às 23:32
Permaneci ali, desabrigado e encharcado, apreciando a arrebatadora sensação de ser parte integrante de um Universo tão rude quanto maravilhoso…” - trovoou um dia desta semana q passou e eu adorei ficar a ver, da janela... q peqnos somos perante a natureza.


De V.A.D. a 17 de Setembro de 2007 às 14:11
É verdade! A grandiosidade da Natureza, e de alguns fenómenos, faz-nos perceber que não passamos de pecinhas insignificantes no grande mecanismo do Universo...
Agradeço a tua visita e o teu comentário.

Um beijo...


De JoãoSousa a 17 de Setembro de 2007 às 02:26
A maravilhosa simplicidade do Poder da Natureza!!! Fantástico!!!


De V.A.D. a 17 de Setembro de 2007 às 14:12
Subscrevo! O poder é simples mas avassalador...

Um abraço.


De Emanuela a 18 de Setembro de 2007 às 00:31
Humm...O cheirinho da chuva sobre a terra ressequida...E aquela sensação de alma lavada pela força da chuva...é maravilhoso!
Um abraço.


De V.A.D. a 18 de Setembro de 2007 às 01:23
Pega-se numa coisa que para muitos é assustadora e constrói-se, toscamente, um relato sentido de algo assombroso... :-)
Votos de uma óptima noite!

Um beijo... :-)


De gata a 18 de Setembro de 2007 às 00:40
Maravilhosa é esta tua forma de descrever o nosso mundo, em cada pormenor e a tua capacidade de te renderes e integrares em tamanha demonstração de poder! Avassalador!

E maravilhoso é poder comentar-te de novo!

Beijo de gata!


De V.A.D. a 18 de Setembro de 2007 às 01:35
A Natureza e o Universo, quer nos mais pequenos pormenores, quer nos mais portentosos eventos, mostram-nos não só a nossa fragilidade e insignificância, mas também que nos podemos integrar e maravilhar...
Maravilho-me com os teus comentários e agradeço as tuas gentis palavras...:-)

Um beijo...


De teresworld a 19 de Setembro de 2007 às 23:26
Desde criança que a trovoada me fascina e amedronta... mesmo temendo quero ver ...

Ah... adoro este tema dos U2 que se enquadra na perfeição.

Um beijo

Teres


De V.A.D. a 20 de Setembro de 2007 às 01:39
As forças da natureza representam um fortíssimo apelo. Queremos vê-las em acção, mesmo que delas tenhamos os mais profundos receios...
A música... A música inspira e complementa...:-)

Um beijo...


De Vanessa a 21 de Maio de 2008 às 02:43
Nossa isso foi maravilhoso!
E ainda existem aqueles que não acreditam em Deus...
''Só há duas formas de viver a vida...
uma é vive-la como se milagres não existíssem , a outra a outra é vivela - como se tudo fosse um milagre.'' Albert Einstein


De V.A.D. a 25 de Maio de 2008 às 23:56
Obrigado, amiga, pelas tuas palavras de incentivo.
Não posso deixar de referir que faço parte do grupo daqueles que não acreditam em deus. Não deixo por isso de me maravilhar com a grandiosidade da Natureza...

Votos de uma magnífica semana!

Um beijo... :-)


Comentar post

.quem eu sou...

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. Curvatura

. O horizonte de eventos e ...

. Subjectividade

. O "capacete de deus"

. Apontamento (II)

. Apontamento

. Alter Orbe (II)

. Alter Orbe (I)

. Marte

. Regresso

.arquivos

. Abril 2013

. Fevereiro 2013

. Fevereiro 2012

. Junho 2011

. Janeiro 2011

. Março 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

.Blog Nomeado Para:

.contador

blogs SAPO

.subscrever feeds