Sábado, 21 de Julho de 2007

Monstro Tenebroso

Se, numa noite límpida, olharmos para uma determinada direcção do espaço, para os lados da constelação de Sagitário, estaremos a olhar para uma região onde se ocultam os escombros monumentais de enormes quantidades de matéria que desmoronou sobre si própria, até se transformar num objecto extraordinário, diferente de tudo o resto que existe no céu. Escondido pelas poeiras e pelas moléculas interestelares, o centro da Via Láctea tem cerca de cinco anos-luz de diâmetro. É um agrupamento monumental de cerca de cinco milhões de estrelas e nele se abriga um desses raros corpos celestes: um buraco negro. Nestes objectos que desafiam a nossa imaginação, a velocidade de escape, função da gravidade, é tão elevada para lá do horizonte de eventos, que nem as partículas de luz conseguem escapar. No coração da galáxia vive um tenebroso e insaciável monstro devorador de matéria…

Imagem: Buraco Negro (Concepção Artística) (www.seedmagazine.com/news/uploads/BlackHole.jpg)


publicado por V.A.D. às 03:13
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De Cöllyßry a 21 de Julho de 2007 às 23:08
Sou apaixonada pelo cosmos, estrelas...enfim
é como dizer Divino...

Bjca doce


De V.A.D. a 22 de Julho de 2007 às 01:47
O Universo, na sua grandeza e mistério, é verdadeiramente fascinante. Nas últimas décadas têm sido dados importantes passos no sentido da compreensão do seu funcionamento, mas muito há ainda para saber... :-)
Bom domingo!

Beijo...


De Emanuela a 22 de Julho de 2007 às 04:59
Quando olhamos para o céu em noite estrelada, e tudo parece majestosamente calmo, quase não dá para imaginar coisas tão espantosas...Só vemos aquelas estrelas piscantes suaves, quase dormentes...E parece tão melhor não pensar nesses imensos buracos negros monstruosos e devoradores...Beijinhos e o desejo de uma suave noite!


De V.A.D. a 22 de Julho de 2007 às 22:10
O Universo está longe de ser o local pacato e sereno que se nos aparenta. Mas, saber-se da existência de fenómenos de extrema violência não diminui em nada aquela sensação de êxtase e de plenitude que às vezes nos domina, quando nos maravilhamos com o céu nocturno... :-)
Votos de um maravilhoso final de domingo!

Um beijo...:-)


Comentar post

.quem eu sou...

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. Curvatura

. O horizonte de eventos e ...

. Subjectividade

. O "capacete de deus"

. Apontamento (II)

. Apontamento

. Alter Orbe (II)

. Alter Orbe (I)

. Marte

. Regresso

.arquivos

. Abril 2013

. Fevereiro 2013

. Fevereiro 2012

. Junho 2011

. Janeiro 2011

. Março 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

.Blog Nomeado Para:

.contador

blogs SAPO

.subscrever feeds