Quinta-feira, 28 de Junho de 2007

Efeito EPR

Há comportamentos estranhos no mundo do infinitamente pequeno. Por exemplo: assim como se fossem antigos amantes que não se conseguem esquecer um do outro, duas partículas subatómicas que interagiram um dia podem responder instantaneamente aos movimentos uma da outra, milhares de anos mais tarde, mesmo estando a anos-luz de distância. Isto ocorre contra a teoria da relatividade, uma vez que esta não permite a existência de interacções físicas ou a transmissão de informações a velocidades superiores à da luz. Este fenómeno extraordinário é chamado efeito EPR, sigla formada com as iniciais de Einstein e dos seus colaboradores Boris Podolski e Nathan Rosen, os primeiros a abordá-lo, em 1935. A interpretação mais comum da teoria quântica leva a crer na impossibilidade de jamais se compreender o efeito EPR. Contudo, Einstein defendeu até à sua morte que esta posição colocava a ciência entre duas alternativas completamente inaceitáveis: ou a realidade objectiva não passa de uma ilusão, ou a medição de uma partícula EPR viola a lei da causalidade, influenciando a outra partícula sem que seja trocada informação. Serão os tijolos da matéria assim, assustadoramente parecidos com a substância que compõe os sonhos, ou será a mecânica quântica uma teoria imperfeita?

Imagem: Entrelaçamento Quântico (www.scienceagogo.com/news/img/electron.jpg)

música: Simple Things (Zero Seven)

publicado por V.A.D. às 02:26
link do post | comentar | favorito
|
8 comentários:
De Emanuela a 28 de Junho de 2007 às 04:00
Este sim é um mistério daqueles muito, mas muito interessantes mesmo... Será algo assim esta inter-ligação com coisas que parecem de outras vidas, outros tempos? Hum... Fantástico.Beijos!


De V.A.D. a 29 de Junho de 2007 às 01:03
Alguns físicos de renome, principalmente David Bohm , sustentaram (e sustentam) que há um modo mais fundamental, mais profundo de descrever os eventos físicos e a realidade objectiva, ela própria entranhada em algo a que chamam de "ordem implícita", que por enquanto se tem mostrado intangível. A existir esse nível de complexidade escondida, aquilo que é o nosso entendimento das coisas pode não passar de uma mera sombra de um mundo bem mais vasto e completo, uma simples imagem holográfica da verdadeira realidade... Mas isso ficará para um outro post ... :-)
Votos de uma excelente noite.

Um beijo...


De Emanuela a 29 de Junho de 2007 às 02:33
Teu conhecimento científico me parece muito profundo... Quando eu crescer quero ser igual a ti, he he. Beijinhos!


De V.A.D. a 29 de Junho de 2007 às 02:58
Eheheheh :-)

Beijinhos!


De dhyana a 28 de Junho de 2007 às 11:22
Para que serve afinal esta teoria?
Porque se preocupam tanto com a "não-localidade" ou "causalidade"? "Tempo e "Espaço"?
Como poderemos nós, meros cidadãos, beneficiar com a consequência da compreensão desta teoria? O que nos trará de bom?
Sempre que te leio tenho de fazer uma pausa para "localizar" os meus neurónios no "espaço" e no "tempo" e levo horas a pensar e a pesquisar. Gosto disso.
Beijos...


De V.A.D. a 29 de Junho de 2007 às 01:39
Assim como existe uma diferença fundamental entre a leitura de um texto e a sua compreensão, entre olhar para uma foto e ver a paisagem ao vivo, entre ver um holograma e poder tocar o objecto, também conhecer a realidade apenas razoavelmente difere substancialmente de haver certezas absolutas. O entendimento da chamada "ordem implícita" pode significar um enorme salto qualitativo, quer em termos de Conhecimento, quer em termos tecnológicos. Apenas para tocar numa das possibilidades, imagina o tratamento de dados feito de forma instantânea e praticamente sem dispêndio de energia; imagina o que isto representaria em termos de informática...
Adianto-te que grandes passos têm sido dados na área obscura e pouco falada da criptografia quântica; o efeito EPR, também designado "entrelaçamento quântico", tem sido usado com sucesso a nível experimental, embora se desconheçam ainda os mecanismos que lhe estão subjacentes.
Os benefícios da compreensão de certas teorias podem não ser nem evidentes nem imediatos, mas a História tem demonstrado que, a prazo, o Saber encontra sempre aplicação...:-)

Um beijo...


De alexiaa a 29 de Junho de 2007 às 22:09
Efeito EPR...

Só me falta saber o que são partículas sub atómicas porque a ideia dos amantes de respostas instantâneas e de entrelaçamentos percebi claramente e achei...surpreendentemente encastráveis no teu entendimento:)


Efeito EPR... acho que encontrei a sigla apropriada:)

Beijo tá???:))


De V.A.D. a 30 de Junho de 2007 às 01:30
Dizem-se subatómicas as partículas constituintes do átomo, e dou-te como exemplos o protão, o neutrão e o electrão. Destes três tipos, só o último é considerado uma partícula fundamental. Quer o protão quer o neutrão são formados por um grupo de três partículas básicas, chamadas de quarks. Imagina um átomo como um edifício; os quarks são os tijolos de que são feitas as paredes e os electrões são as telhas. Creio ter criado uma imagem razoavelmente elucidativa, mas se necessário for, aprofundarei a questão... :-)
Quanto a entrelaçamentos, não me vou alongar em comentários; espero vir a saber o que magicaste para a sigla EPR, ehehhehehe :-)
Votos de um excelente fim de semana.

Um beijo!


Comentar post

.quem eu sou...

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. Curvatura

. O horizonte de eventos e ...

. Subjectividade

. O "capacete de deus"

. Apontamento (II)

. Apontamento

. Alter Orbe (II)

. Alter Orbe (I)

. Marte

. Regresso

.arquivos

. Abril 2013

. Fevereiro 2013

. Fevereiro 2012

. Junho 2011

. Janeiro 2011

. Março 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

.Blog Nomeado Para:

.contador

blogs SAPO

.subscrever feeds