Quinta-feira, 21 de Junho de 2007

Sexo

Até há cerca de seiscentos milhões de anos, todas as formas de vida existentes no nosso planeta eram constituídas por células sem núcleo, chamadas procarióticas, que se reproduziam assexuadamente, fazendo cópias exactas de si mesmas. No período Cambriano, começaram a surgir as células eucarióticas, possuidoras de um núcleo que funciona como o centro de controlo da célula e onde decorrem o armazenamento e a replicação do ADN. Este novo tipo de células revelou-se capaz de se multiplicar através da reprodução sexuada, que implica a combinação de genes de dois seres separados, cada um deles contribuindo com metade do material genético que o descendente usará na determinação das suas características. Este passo simples, mas decisivo, desencadeou uma explosão evolucionária. As células eucarióticas aumentaram drasticamente a sua variedade e adaptabilidade através do processo de selecção natural, dando origem a uma infinidade de espécies, na qual se inclui o Homem. Paralelamente, nos dois mil milhões de anos da sua existência, as algas procarióticas azuis e verdes, e as bactérias, que ainda se reproduzem assexuadamente, continuam a ser o que sempre foram. Em jeito de brincadeira, daqui se podem concluir duas coisas: o sexo é antigo e, se não tivesse aparecido, seríamos algas ou, na melhor das hipóteses, bactérias…

Imagem: Eucarionte (www.bbc.co.uk/portuguese/especial/images/49_oceano/212235_mar07.jpg)

música: Whenever There Is You (Koop)

publicado por V.A.D. às 02:46
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De Emanuela a 22 de Junho de 2007 às 01:42
Hum... E que vidinha sem graça teríamos não é mesmo? he,he. Acho que a terra ficou muito mais interessante assim...Beijos!


De V.A.D. a 22 de Junho de 2007 às 02:59
Eheheheh, estou em total concordância contigo, por dois motivos, tendo o primeiro sido insinuado por ti, e muito bem. O segundo refere-se mesmo à questão da diversidade; sem reprodução sexuada, a vida não se teria ramificado da forma que o fez.
Votos deuma excelente noite.

Um beijo!


De dhyana a 25 de Junho de 2007 às 10:13
Sendo assim "viva a reprodução sexuada"!!!
Beijos...


De V.A.D. a 25 de Junho de 2007 às 14:10
Viva o facto de a evolução ter sido nesse sentido! ;-)

Beijos...


Comentar post

.quem eu sou...

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. Curvatura

. O horizonte de eventos e ...

. Subjectividade

. O "capacete de deus"

. Apontamento (II)

. Apontamento

. Alter Orbe (II)

. Alter Orbe (I)

. Marte

. Regresso

.arquivos

. Abril 2013

. Fevereiro 2013

. Fevereiro 2012

. Junho 2011

. Janeiro 2011

. Março 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

.Blog Nomeado Para:

.contador

blogs SAPO

.subscrever feeds