Sábado, 31 de Março de 2007

Alexandria

Situada a oeste do delta do rio Nilo, nas margens do Mediterrâneo, a cidade de Alexandria foi fundada em 332 a.C. por Alexandre, O Grande. Após a derrota dos persas em Issus, a tomada de Damasco, Tiro e Gaza, o Egipto entregou-se sem luta. Ptolomeu, um dos generais de maior confiança de Alexandre, foi empossado como governador do novo território e viria a tomar o título de rei em 305 a.C., instituindo então o culto dinástico do rei-salvador (Sóter), de acordo com a tradição dos faraós egípcios. Recusou pagar tributo ao rei da Macedónia, sucessor de Alexandre, e fundou um império poderoso que, embora sem conquistas territoriais, manteve um reconhecido esplendor económico e cultural. Um dos actos mais marcantes de Ptolomeu I Sóter foi a criação, em 294 a.C.,  de um centro de estudos, chamado Museu, ou Templo das Musas, por sugestão de Demétrio de Falero, um exilado político ateniense que tinha sido recebido de braços abertos na corte do monarca. Assim, o primeiro museu do mundo, mais do que um depósito de objectos preciosos, era uma escola. Pela primeira vez na História, o estado reunia e mantinha, por vontade própria, uma corporação laica de sábios e artistas, associados para estudar e ensinar. Embora o museu e depois a biblioteca fossem instituições reais, gozavam de uma completa autonomia nas suas funções. Os membros desta academia vinham a Alexandria convidados pelo monarca e recebiam uma remuneração estatal. Devido à concentração de numerosos especialistas, a vida científica tornou-se intensa em muitos campos, desde a matemática à ciência literária, passando pela astronomia, pela medicina, pela geografia e por tantas outras áreas do conhecimento. Durante cerca de sete séculos, o museu e a biblioteca de Alexandria reuniram o maior acervo de cultura e ciência que existiu na antiguidade.

Imagem: Biblioteca de Alexandria (www.deltatoursegypt.com/tours/3.jpg)

música: Im Nin Alu (Ofra Haza)

publicado por V.A.D. às 23:16
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De Emanuela a 2 de Abril de 2007 às 12:22
Os temas trazidos por voce à este blog são sempre muito interessantes...


De V.A.D. a 2 de Abril de 2007 às 13:53
Agradeço o seu comentário e obviamente a sua visita.
É sempre muito agradável saber-se que aquilo que se escreve suscita interesse... :-)

Cumprimentos


De Felipe a 14 de Junho de 2009 às 00:45
Na verdade, a Biblioteca de Alexandria foi fundada por Ptolomeu Soter, e seu filho, Ptolomeu Filadelfo, ampliou-a aos dois bairros em que se distribuiam seus setecentos mil volumes.

Ass. Felipe,
estudante de Biblioteconomia e Gestão de Unidades de Uniformação da UFRJ.


Comentar post

.quem eu sou...

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. Curvatura

. O horizonte de eventos e ...

. Subjectividade

. O "capacete de deus"

. Apontamento (II)

. Apontamento

. Alter Orbe (II)

. Alter Orbe (I)

. Marte

. Regresso

.arquivos

. Abril 2013

. Fevereiro 2013

. Fevereiro 2012

. Junho 2011

. Janeiro 2011

. Março 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

.Blog Nomeado Para:

.contador

blogs SAPO

.subscrever feeds