Sexta-feira, 16 de Março de 2007

Metáforas

"Que uma pessoa tenha de falar acerca da mente em metáforas é lamentável, mas inevitável. Nem a linguagem comum nem a científica nos faculta um idioma no qual a Natureza e as obras do espírito possam ser descritas convenientemente. Quase não é possível dizer qualquer coisa sobre ela excepto por metáforas e símiles tirados do mundo material que podemos ver e tocar. (...) Como se os materiais psicológicos hereditariamente dados fossem uma porção de barro para o escultor lhe dar forma, uma porção de brita e alvenaria para ser transformada pelo arquitecto numa casa. E até onde este símile acentuou a crua natureza caótica do que é dado, e a importância no processo da sua conversão numa personalidade em qualquer coisa como tratamento artístico, serviu bastante bem. Mas a arquitectura e a escultura existem no espaço e são o mesmo nos diferentes momentos do tempo. Os seres humanos habitam o tempo, bem como o espaço, e variam de momento para momento. Os materiais de uma personalidade, hereditariamente dados, são caóticos no tempo, não no espaço. As pedras com as quais o arquitecto fará a sua casa jazem dispersas no espaço. Os materiais psicológicos com que o indivíduo tem de construir a sua personalidade são descontínuos no tempo. Para se criar uma personalidade, uma pessoa tem de descobrir algum princípio de continuidade, uma pessoa tem de planear uma estrutura ideal, onde os materiais naturalmente descontínuos possam encaixar-se harmoniosamente. Brechas temporais separam os elementos de uma personalidade; a estrutura deverá colmatar estes abismos do tempo. O princípio da continuidade deve actuar como uma espécie de cimento, no qual os elementos divididos pelo tempo estão assentes."

Excerto de Sobre a Democracia e Outros Estudos, de Aldous Huxley, ensaísta e romancista britânico. Na sua vasta obra escrita, debruça-se essencialmente sobre as humanidades,  e dá especial ênfase aos sistemas políticos baseados no autoritarismo. O seu romance mais conhecido, Admirável Mundo Novo, é uma contra-utopia pessimista, em que é usada a ficção científica para a descrição de um mundo organizado segundo uma estrita hierarquia e dominado por uma ditadura genética.

Imagem: Frame of Mind (www.abcdigitalart1.hpg.ig.com.br/deaddreamer/FrameOfMind1024.jpg)

música: Walk This World (Heather Nova)

publicado por V.A.D. às 01:29
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De InsideOut a 17 de Março de 2007 às 23:38
Que uma pessoa tenha de falar acerca da mente em metáforas é lamentável, mas inevitável. - Gosto desta frase! Concordo com ela, plenamente! Por vezes não podemos falar directamente sobre o que pensamos, o que é uma pena por um lado. Conforme as personalidades, as pessoas vão também usando diferentes linguagens.
Bom fim-de-semana!


De V.A.D. a 18 de Março de 2007 às 01:06
É, sem dúvida, difícil falar-se daquilo que não se vê, mas que se sabe de enorme complexidade. No entanto, a linguagem, "com as suas subtilezas", pode ser usada com mestria para criar uma imagem da mente...

Bom fim de semana :-)

Cumprimentos



Comentar post

.quem eu sou...


. ver perfil

. seguir perfil

. 34 seguidores

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Curvatura

. O horizonte de eventos e ...

. Subjectividade

. O "capacete de deus"

. Apontamento (II)

. Apontamento

. Alter Orbe (II)

. Alter Orbe (I)

. Marte

. Regresso

.arquivos

. Abril 2013

. Fevereiro 2013

. Fevereiro 2012

. Junho 2011

. Janeiro 2011

. Março 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

.Blog Nomeado Para:

.contador

SAPO Blogs

.subscrever feeds