Quinta-feira, 28 de Fevereiro de 2008

Cidónia (IV)

                  

“Despertei muito antes da alvorada, a excitação e os sonhos negando-me um sono quedo, a expectativa do que o novo dia iria trazer impedindo-me de permanecer deitado no almadraque de uma alvura imaculada. Levantei-me cautelosamente e, sem ruído, dirigi-me à zona reservada à higiene pessoal, as necessidades fisiológicas sendo satisfeitas, o duche de ultra-sons limpando a pele e estimulando os sentidos. A cúpula habitacional, erguida automaticamente no dia anterior, sentia-se povoada de um silêncio irreal, atenuado somente pelo zumbido da maquinaria de suporte de vida, a semi-obscuridade reinando num sólio de sombras imóveis e fantasmagóricas. Vesti-me sem custo, a gravidade duas vezes e meia menor dissimulando o peso da complexa indumentária e, olhando para o cronógrafo de pulso, deliberei que era chegada a hora de dar início à segunda fase da missão. A um toque as luzes acenderam-se, a súbita claridade e o magnífico som de Vangelis arrancando ao repouso os quatro companheiros, as rotinas matinais sendo cumpridas até que, por fim, o veículo de exploração, especialmente concebido para o solo marciano, iniciou a sua marcha rumo ao desconhecido, o sol distante erguendo-se radioso sobre o horizonte...”

V.A.D. em Cidónia

Vídeo: Cidónia (www.youtube.com/watch?v=OIJOt0URF0s)


publicado por V.A.D. às 02:25
link do post | comentar | favorito
|
12 comentários:
De ligeirinha a 28 de Fevereiro de 2008 às 11:33
Quantas vezes acordei e erráticamente andei pela casa á procura do que sonhei....sei como isso se sente! gostei de de o ler... Até breve! Ligeirinha


De V.A.D. a 29 de Fevereiro de 2008 às 02:49
Os sonhos podem ser inquietantes e fantasticamente esquivos, temores ou anseios sendo representados por imagens ilusórias que se formam na mente apenas aparentemente adormecida... E depois, vem a vigília, a busca do sentido para esse onírico mundo... :-)
Agradeço a tua visita, assim como as tuas amáveis palavras. Retribui-las-ei brevemente... :-)

Desejo-te uma excelente noite!

Um beijo... :-)


De **** a 28 de Fevereiro de 2008 às 19:35
"... excitação e os sonhos negando-me um sono quedo..." - no seu lugar julgo que nem sequer dormiria, cada segundo de olhos fechados, cada vez que pestanejava, era um instante que perderia de todo aquele sonho que vivia de olhos abertos, menos um momento precioso. Seria uma péssima companheira de viagem... ;)

É uma perspectiva engraçada essa de pensar na satisfação de tão básicas necessidades num ambiente destes, é algo que normalmente não é focado nos romances, mas que aqui se enquadra perfeitamente. Faz pensar o quanto seres de hábitos somos... Muda-se a paisagem, muda-se o sítio, mas continuamos a fazer as mesmas coisas sob o mesmo "sol distante erguendo-se radioso".

É espantoso conseguires encontrar videos deste género na imensidão do youtube... Este está mesmo interessante.

Muitos Beijos
boa noite, um despertar depois da alvorada
e que a "sua marcha rumo ao desconhecido" continue a ser tão bem narrada quanto tem sido até aqui

Sophia


De V.A.D. a 29 de Fevereiro de 2008 às 03:07
"Tempo perdido é o que se passa a dormir..." Palavras repetidas constantemente por um amigo, falecido num trágico acidente...
Serias uma óptima companheira de viagem: a maneira como encararias a maravilha de uma aventura assim assemelha-se à forma como certamente eu próprio reagiria, uma permanente insónia atenta, uma indiscutível vontade de assimilar todos os pormenores, uma ânsia desmedida de desvendar enigmas... :-)

Somos animais de hábitos e de necessidades, a fisiologia não se compadecendo com aventuras em solos alienígenas...
Sempre achei que os filmes e a literatura descuravam estes factos; talvez seja mais bonito evitar certas realidades, mas eu priveligio o realismo, mesmo num conto de ficção pura... :-)

Amiga, basta que procures "cydonia" para que obtenhas algumas preciosidades... :-)

Agradeço as tuas amabilíssimas paravras e aproveito para te desejar uma excelente noite!

Um beijo e um enormeeeeeeeeee sorriso... :-)


De perola a 28 de Fevereiro de 2008 às 21:57
Amigo:

Acertas muitas vezes na forma como me sinto. Sinto-me assim muitas vezes, a acordar cheia de vida e vontade de fazer tudo. Por vezes a vida corta-me essa vontade. No entanto no dia seguinte acordo assim outra vez. E sou feliz assim... Espero que isto nunca me passe.

Grande beijo e excelente noite!


De V.A.D. a 29 de Fevereiro de 2008 às 03:12
Amiga, é maravilhoso podermos acordar assim, dispostos a enfrentar os dias, nem sempre fáceis, com uma indómita vontade de atingir objectivos e cortar metas. Por muitos obstáculos que encontremos, devemos manter sempre uma atitude positiva em relação à vida. Tenho a certeza de que sempre serás capaz de agir assim!

Também eu te desejo uma magnífica noite!

Um beijo e um enormeeeeeeeeeee sorriso... :-)


De perola a 29 de Fevereiro de 2008 às 21:32
Amigo, mas não é fácil, sabes. Nem sempre as coisas correm bem, nem sempre as coisas se mostram fáceis, por mais que lutemos. A vida tem-me dado surpresas boas, não me queixo ainda assim.
Um beijo e desejo-te um óptimo fim-de-semana.


De V.A.D. a 1 de Março de 2008 às 02:38
Poucas coisas são fáceis, na nossa existência. São as dificuldades superadas que dão sabor aos momentos bons e só valorizamos a beleza se conhecermos a fealdade... :-)

Desejo-te uma óptima noite e um magnífico fim-de-semana!

Um beijo e um enormeeeeeeeeee sorriso... :-)


De Anónimo a 28 de Fevereiro de 2008 às 23:57
Vou ver se consigo comentar q aqui no telemóvel nem sempre consigo..leio-te com atenção.estas tuas histórias são tão tuas que fazem com q me delicie c elas para t conhecer um bocadinho mais..bj


De V.A.D. a 29 de Fevereiro de 2008 às 03:20
Agradeço as tuas gentis palavras, assim como as tuas visitas.
De facto, um pouco daquilo que eu sou acaba por transparecer pela escrita, sonhos, aspirações ou simples imaginação sendo revelados pela construção de textos que espero serem agradáveis e minimamente interessantes.

Um beijo... :-)


De Emanuela a 29 de Fevereiro de 2008 às 01:50
Quando estamos prestes a concretizar algo muito sonhado, torna-se difícil a conciliação do sono...
A vida de um astronauta deve ser algo de fantástico!
Beijinhos.


De V.A.D. a 29 de Fevereiro de 2008 às 03:16
É verdade, amiga...! Gera-se em nós uma indomável inquietude, a vontade de agir fazendo do sono uma impossibilidade... :-)
Gostava de poder flutuar no espaço ou de pisar um solo alienígena. Vejo-me obrigado a contentar-me com voos mais simples, mas solto a imaginação em busca de outros lugares... :-)

Desejo-te uma magnífica noite, amiga!

Um beijo e um enormeeeeeeeeeee sorriso... :-)


Comentar post

.quem eu sou...


. ver perfil

. seguir perfil

. 34 seguidores

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Curvatura

. O horizonte de eventos e ...

. Subjectividade

. O "capacete de deus"

. Apontamento (II)

. Apontamento

. Alter Orbe (II)

. Alter Orbe (I)

. Marte

. Regresso

.arquivos

. Abril 2013

. Fevereiro 2013

. Fevereiro 2012

. Junho 2011

. Janeiro 2011

. Março 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

.Blog Nomeado Para:

.contador

SAPO Blogs

.subscrever feeds